O portal mundial de rádios

.

No Gre-Nal 418 com reservas, Tricolor vence o Inter e sacramenta a liderança geral no Gaúchão


A escalação dos 2 times recheados de reservas surpreendeu ambas torcidas.

Mesmo assim foi um jogo marcado por muita emoção, raça, força e transpiração. Situações cotidianas e normais em um Gre-Nal.

Jogo de 2 tempos completamente diferentes.

No Primeiro Tempo, o Grêmio mereceu sair na frente.

Buscou mais o ataque, pressionou o adversário, embora ainda peque nas finalizações a gol.

Construía o Imortal a vitória segura por 1 a 0. Internacional era encaixotado pelo Tricolor e não conseguia sequer criar boas situações em que incomodasse o adversário.

Some-se a essa pressão a expulsão de Nonato. Com um a menos o que já era difícil ficou ainda pior para o Inter.

O Colorado ficava lá atrás, só se defendia, o Grêmio dominava, mas faltava mais precisão no passe final, para concluir mais diretamente ao gol adversário.

E na única grande jogada bem trabalhada da Etapa Inicial, o único titular escalado do time, Leonardo, marcou o único gol da partida.

Os números registrados pelo Footstats evidenciavam a pressão que o Tricolor impunha ao Colorado.

O Grêmio tinha nos 45 minutos iniciais, mais posse de bola (72,2% a 27,8%), mais finalizações (6 a 3) e troca passes quase 3,5 vezes mais que o Internacional (318 a 90).

Era inquestionável o domínio gremista nesta Etapa Inicial.

Mas na Etapa Final, o Inter mudou o estilo de jogar, mesmo com a desvantagem numérica no placar e em campo.

Passou a pressionar a saída de bola do adversário e a marcar mais forte ofensivamente.

Foi um pouco superior na posse de bola, 53% a 46%.

Passou a trocar mais passes mas, mesmo assim, menor também na Segunda Etapa em relação ao rival.

212 do Grêmio contra 151 do Internacional.

O Colorado cruzou mais na área adversária na Etapa Final, 9 a 3. Sendo que destes, 3 foram certos na área do tricolor.

Mas o Inter pouco finalizou a gol. Aliás, ambas as equipes não finalizaram praticamente ao gol adversário.

Apenas 4 finalizações ao todo na Etapa Final, muito pouco para um tamanho de Gre-Nal, empatando em 2 a 2 nesse critério.

O Grêmio aproveitou a Etapa em que teve melhor futebol e em um jogo marcado por poucos tiros a gol nos 90 minutos, foi o que conseguiu converter a chance no único gol da partida.

Vitória merecida do Tricolor Gaúcho, que fica agora com a liderança geral do Gaúchão.

Reviews

  • Total Score 0%
User rating: 0.00% ( 0
votes )



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *